pla01Falar que a cirurgia plástica trata apenas a vaidade das pessoas é injusto. O desejo de autoaperfeiçoamento é um impulso natural, e normalmente as pessoas que procuram a cirurgia plástica estão simplesmente infelizes sobre um aspecto da sua aparência. Elas se sentem suficientemente descontentes a ponto de mobilizar-se em busca de uma solução que as torne mais satisfeitas com a sua aparência. Em alguns casos, a cirurgia plástica ainda abre a porta para um aumento da autoconfiança.

Talvez você queira disfarçar os efeitos inevitáveis ​​da idade, reparar o legado de flacidez deixado pela gestação, aumentar ou reduzir as suas mamas ou corrigir uma característica genética. No entanto, é um procedimento definitivo e é por isso que você deve examinar cuidadosamente as suas motivações para querer a cirurgia plástica. Não é um passo para ser tomado por impulso.

pla02Em 2005, a Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos (ASPS) fez uma pesquisa para estudar as motivações que as pessoas tinham para cirurgia plástica e sua demografia. Você pode se surpreender ao saber que o estudo indicou que a cirurgia plástica não é limitada às pessoas de renda mais alta. Membros de diversas classes socioeconômicas têm um interesse e até mesmo já foram submetidos a procedimentos de cirurgia plástica.

De acordo com o estudo ASPS, uma vasta gama de grupos etários procura cirurgia plástica, a partir dos 18 anos de idade. Certamente, os candidatos mais jovens estão procurando cirurgia para modificações genéticas, normalmente para o nariz ou seios, enquanto os candidatos mais velhos também levam os efeitos do envelhecimento em conta em seus planos para uma cirurgia plástica.

Em entrevistas em profundidade com uma seleção dos participantes da pesquisa no estudo ASPS revelou que a maioria das pessoas que estavam interessadas ​​em cirurgia plástica foram profundamente incomodados por uma característica física. Eles queriam a cirurgia plástica porque acreditavam que ela proporcionaria melhorias emocionais, psicológicas ou sociais.

pla04

Como cirurgiã plástica, é parte do meu trabalho ajudar potenciais pacientes a uma cirurgia plástica a examinar e compreender as suas motivações. Um paciente com uma perspectiva saudável vai querer modificar seu corpo de modo a superar um traço físico que é pessoalmente desagradável. A sua autoconfiança vem de seu autojulgamento, que está no centro da questão.

Se você estiver considerando a cirurgia plástica, você deve fazer primeiro uma análise íntima sobre sua insatisfação física e comparar isso com os custos e os riscos da cirurgia.

pla05Certifique-se que o cirurgião plástico que você escolheu está atento aos seus objetivos e motivações. Um cirurgião plástico não deve prometer a lua. A cirurgia plástica não vai transformá-la em uma estrela de cinema. A cirurgia plástica pode ser capaz de melhorar o seu corpo, mas não vai produzir um novo corpo. No entanto, pode ser uma experiência muito positiva que freqüentemente ajuda as pessoas a obter maior satisfação com sua aparência física.