ble01Com o envelhecimento, as estruturas que compõem a pálpebra começam a apresentar flacidez e com isso ocorre um excedente de pele e a visualização de bolsas de gordura sob a pele, dando a aparência de olhos inchados ou cansados. No início do processo, que geralmente ocorre entre os 30 e 40 anos, a queixa costuma ser apenas estética. Com o acentuação da flacidez pode haver prejuízo da visão periférica ou lateral.

Qual a finalidade da Blefaroplastia?

A blefaroplastia é feita para a correção de:

  • Excesso de pele em pálpebras superiores e/ou inferiores;
  • Flacidez nas pálpebras;
  • Bolsas de gordura visíveis nas pálpebras;
  • Dificuldades visuais causadas pelo excedente de pele.

ble02

Como é realizado o procedimento?

Se a cirurgia será realizada em ambas as pálpebras, o cirurgião geralmente trabalha em suas pálpebras superiores em primeiro lugar.

ble03É feita uma incisão na prega natural da pálpebra superior. Em seguida, o excesso de pele e uma pequena faixa de músculo, assim como as bolsas de gordura sob a pele, são removidos. A incisão é fechada com pontos que deixam uma cicatriz muito discreta.

A incisão na pálpebra inferior é feita logo abaixo dos cílios na dobra natural do seu olho ou dentro da pálpebra inferior. O cirurgião remove o excesso de gordura ou redistribui estas bolsas. A musculatura pode ser tratada e o excedente de pele ressecado, seguindo-se o fechamento da incisão.

ble04Em pacientes mais velhos, que possuem uma flacidez na sustentação da pálpebra inferior, está indicada a realização de uma cantopexia (tração feita no ligamento cantal externo – encontro da pálpebra superior e inferior) durante a blefaroplastia para evitar a eversão da pálpebra inferior. Esta cantopexia é feita através de um ponto na região lateral da pálpebra.

Após o procedimento

A blefaroplastia leva normalmente de 1,5 a 2 horas. Terminado o procedimento, o paciente passa algum tempo numa sala de recuperação, onde fica sendo monitorado até o momento de ir para o quarto. Ele poderá deixar o hospital ainda no mesmo  dia para se recuperar em casa.

ble05Já em casa uma pomada lubrificante deverá ser aplicada em  seus olhos para protegê-los e prevenir o ressecamento. A pomada pode causar visão turva temporária.

Pode haver também lacrimejamento, sensibilidade à luz e visão dupla logo após a cirurgia.

No inicio as incisões estarão vermelhas e visíveis à primeira vista, e as pálpebras podem ficar inchadas e dormentes por alguns dias. O inchaço e equimoses (manchas roxas), se mantém por cerca de uma semana ou mais. Compressas frias ou óculos de gel aplicados sobre os olhos podem ajudar a reduzir o inchaço.

A dor geralmente é mínima. O paciente pode tomar um analgésico, como o paracetamol (Tylenol e outros), para aliviar o leve desconforto. As suturas são  removidas após cinco a sete dias.

Nas duas semanas que se seguem a cirurgia alguns cuidados devem ser observados:

  • Evitar esforço, trabalho pesado e natação;
  • Evitar atividades extenuantes, como aeróbica e jogging;
  • Usar óculos escuros para proteger a pele das pálpebras do sol e vento;
  • Dormir com a cabeça mais elevada.

É importante seguir as orientações médicas quanto à limpeza das pálpebras e o uso de colírios e pomadas.

Resultados

ble06As cicatrizes podem demorar seis meses ou mais para atingirem o seu melhor resultado estético. Ao término deste período as cicatrizes da blefaroplastia se tornam quase imperceptíveis. Tome cuidado para proteger sua pele da pálpebra delicada da exposição excessiva ao sol durante este tempo.

Os resultados da blefaroplastia são muito gratificantes, como uma aparência mais descansada e jovial e mais autoconfiança. Para algumas pessoas, os resultados da cirurgia podem durar uma vida, mas para outros, queda da pálpebra, eventualmente, pode recorrer ao longo dos anos, pelo processo natural de envelhecimento. Não há nestes casos contra indicação para a realização de uma nova blefaroplastia.